Skip to main content

Qual a visão do Espiritismo sobre a epilepsia?

A epilepsia é uma doença neurológica, como qualquer outra doença que pode afetar o organismo humano. Deve ser tratada com os especialistas da medicina terrena. A terapêutica espírita poderá ajudar na recuperação do equilíbrio físico do enfermo, se for ministrada adequadamente, sem nunca dispensar a assistência médica. Muitas pessoas confundem as crises epilépticas com sintomas obsessivos ou mediunidade a ser desenvolvida, o que é um grave erro.
A epilepsia é obsessão?
Não. Epilepsia é uma coisa e obsessão é outra. A obsessão pode, às vezes, se apresentar com os sintomas da epilepsia, e o epiléptico pode ser portador de um processo obsessivo. Daí a confusão que muitas vezes é feita entre uma coisa e outra. O conceito que existe no meio espírita de que os epilépticos são médiuns que deveriam desenvolver suas mediunidades é completamente errônea.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *